“‘Somos membros uns dos outros’ (Ef 4, 25): das comunidades de redes sociais à comunidade humana”. É com este tema que a Igreja Católica celebra o 53º Dia das Mundial das Comunicações Sociais. Com muita alegria, a Diocese de Criciúma está preparando um encontro ainda mais especial em homenagem a esse dia. Uma missa contará com a participação de membros da Pascom (Pastoral da Comunicação) de todas as paróquias e também profissionais da imprensa.

“Acredito que essa missa será uma forma de aproximar ainda mais os agentes da Pascom e os profissionais da imprensa com os assuntos relacionados à Igreja. Afinal, precisamos dessas pessoas para que as ações, bem como a Boa Nova de Jesus, possam ser anunciadas e levadas aos fiéis de toda a nossa Diocese”, destaca Mariane Generoso, que além de coordenadora da Pascom em Forquilhinha, atua também como jornalista profissional.

Essa celebração especial será realizada no sábado, 25 de maio, às 15 horas, no Santuário Sagrado Coração Misericordioso de Jesus, em Içara, e contará com uma bela procissão de entrada com a participação desses agentes e profissionais. A celebração será presidida pelo Reitor do Santuário, padre Antônio Vander da Silva.

Para o coordenador diocesano da Pascom, Yan Custódio, esse dia representa o fortalecimento de uma pastoral tão importante para a Igreja. “Precisamos de pessoas engajadas e dispostas a prestar esse serviço, que exige muito. Por isso, gostaria de agradecer a cada agente que, de certa forma, doa seu tempo para este trabalho de extrema importância. Afinal de contas, precisamos levar a Boa Nova de Jesus a cada fiel de nossa Diocese”, completa Yan.

Todo ano, Papa Francisco escreve uma carta alusiva a esse dia tão importante. Confira, abaixo, um trecho da carta deste ano:

“Uma tal capacidade de compreensão e comunicação entre as pessoas humanas tem o seu fundamento na comunhão de amor entre as pessoas divinas. Deus não é Solidão, mas Comunhão; é Amor e, consequentemente, comunicação, porque o amor sempre comunica; antes, comunica-se a si mesmo para encontrar o outro. Para comunicar conosco e Se comunicar a nós, Deus adapta-Se à nossa linguagem, estabelecendo na história um verdadeiro e próprio diálogo com a humanidade (cf. Conc. Ecum. Vat. II, Const. dogm. Dei Verbum, 2).Em virtude de termos sido criados à imagem e semelhança de Deus, que é comunhão e comunicação-de-Si, trazemos sempre no coração a nostalgia de viver em comunhão, de pertencer a uma comunidade. Como afirma São Basílio, ‘nada é tão específico da nossa natureza como entrar em relação uns com os outros, ter necessidade uns dos outros'”.

Colaboração: Pascom Diocese de Criciúma

Fotos: Missa realizada em maio de 2017, no Santuário Diocesano Nossa Senhora de Caravaggio, também por ocasião do Dia Mundial das Comunicações Sociais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here